O tampão é o componente mais sensível do processo tampográfico. Sua função específica se resume em transferir totalmente a tinta do clichê ao objeto a ser impresso.

Na impressão de peças irregulares é fundamental a escolha do formato e dureza do tampão para a qualidade e velocidade da impressão.

O tampão é um elastômero inalterável com alto poder de transferência.

O termo “tampão” em algumas estórias: tampão vem do Alemão gótico TAPPA= Alemão moderno KAPPEN que significa tampar. Tampon como é chamado na Alemanha é um termo Francês que é aumentativo de tampa.

Existem os mais diversos formatos de tampões, bem como durezas.

O tampão basicamente é constituído por uma mistura de borracha de silicone, óleo e catalisador, todos cuidadosamente dosados.

Além disso a qualidade da matéria prima é de sua importância.

Define-se o formato e a dureza do tampão em função de:

- Tamanho de legenda;
- Tipo de letra;
- Formato e tamanho do desenho;
- Configuração do produto a ser impresso;
- Formato e superfície da peça a ser impressa;

Um tampão nunca deverá ser completamente sem ângulo, para que haja uma perfeita absorção de tinta.

Para que s transferência da tinta sobre o produto seja perfeita, o bico do tampão deve sempre estar deslocado, desta forma a deposição será completa, bem com ausente de deformações.